O Opus Dei e as dioceses

Em nível institucional, quais as relações do Opus Dei com a diocese? Além disso, o Opus Dei, em seu trabalho pastoral, atua em harmonia com os institutos religiosos e com outras realidades eclesiais?

Prelazia Pessoal

A vida da prelazia se insere como uma parte viva em cada diocese. Por isso, a prelazia está em constante relação com a diocese e com o seu respectivo bispo. Além disso, é juridicamente necessária a intervenção deste para que se comece o trabalho da prelazia na diocese ou para abrir centros da prelazia. O mais importante, contudo, são os contatos permanentes que favorecem a plena sintonia com a vida diocesana e com os objetivos pastorais do Bispo diocesano. A prelazia do Opus Dei está em comunhão com todas as realidades eclesiais presentes na diocese. Dentro da legítima autonomia eclesial de cada uma dessas realidades, a vida da diocese a que essas realidades eclesiais pertencem oferece habitualmente múltiplas ocasiões de contato e de colaboração. Convém ter presente que o Opus Dei não constitui um grupo à parte dentro da diocese e não é e nem atua como uma associação, motivo pelo qual os seus membros podem participar livremente de associações de fiéis de caráter